Ligue Agora Cobrimos a concorrência
Contato via WhatsApp

Cuidados necessários com o ar-condicionado automotivo

O Rio de Janeiro é uma cidade conhecida pelas altas temperaturas e um clima tropical. Isso faz com que o ar-condicionado automotivo se torne um item indispensável nos veículos porque é ele que garante uma viagem confortável e fresquinha. Mas, como qualquer outro item, quando utilizado em excesso, sem manutenção e os cuidados necessários, pode trazer problemas futuros para o proprietário, além de riscos à saúde.

Aproveitando que as temperaturas estão diminuindo e o inverno está chegando, esse período pode ser uma ótima opção para realizar a higienização do ar-condicionado automotivo. Separamos aqui alguns cuidados essenciais para você ter com o seu equipamento. Confira!

Filtro de Cabine

O filtro de cabine é responsável por conter as impurezas do ar que vem de fora, ou seja, ele serve para evitar a entrada das impurezas. Entretanto, alguns veículos mais compactos e mais baratos não tem esse item – mas é recomendável instalar esse filtro no carro mesmo que não seja de fábrica. 

Por outro lado, caso o carro já venha com esse filtro de cabine, ele deve ser substituído com frequência. Inclusive, vale notar que os carros que rodam em estradas empoeiradas, devem efetuar a troca dos filtros em prazos mais curtos. Recomenda-se a substituição a cada 15.000 km rodados ou uma vez por ano.

Faça a limpeza 

O ar-condicionado automotivo pode acumular fungos e bactérias por causa da umidade, impurezas e sujeiras acumuladas no filtro. Além disso, podem causar infecções como sinusite e pneumonia. Por isso, é importante fazer a limpeza dos dutos com o uso de produtos que eliminam fungos e bactérias. 

Em todos os casos, opte por empresas que usam nebulizador ou ozônio. Afinal, esses são mais eficientes no combate a fungos e bactérias. O ideal é que a limpeza seja feita em média a cada 6 meses. 

Faça a manutenção preventiva

Aproveite a manutenção para verificar a pressão do gás e verificar se há vazamentos. O gás do ar-condicionado automotivo não tem um prazo de validade, só que existem micro vazamentos, os quais, ao longo do tempo, vão fazendo com que decaia essa quantidade de gás. 

Por isso, é normal que, após 2 a 3 anos, seja feita uma recarga de gás, justamente para repor essa perda sistemática e verificar se há falta ou não do gás refrigerante.

Agora que você já sabe quais cuidados precisa ter com o seu ar condicionado automotivo, continue acompanhando nossas redes sociais e fique por dentro de todas as novidades da nossa loja. Leia mais sobre manutenção de ar-condicionado automotivo.