Você sabe qual a função da válvula termostática?

Válvula termostática | Você sabe qual a função da válvula termostática?

Muitas pessoas ainda atribuem a essa peça o motivo do superaquecimento do motor, principalmente quem ainda não sabe ao certo qual a função da válvula termostática no sistema mecânico.

Os principais problemas dessa peça são causados por imperícia do mecânico, que não sabe exatamente qual a função da válvula termostática e que, de maneira equivocada, remove a peça do sistema de arrefecimento.

Importância da peça em todas as situações

Não importa se o ambiente é quente ou frio, pois a temperatura do local não interfere na função da válvula termostática no sistema mecânico. A válvula fica localizada na linha de passagem do líquido de arrefecimento do motor do carro. A peça atua para fazer com que esse líquido — responsável pelo resfriamento do motor — se mantenha na temperatura correta de trabalho.

Outra função importante da válvula termostática é não deixar o motor esfriar além do recomendado. Impedir a variação brusca de temperatura é essencial para a proteção de diversas partes móveis do sistema. Outro benefício gerado pela válvula é a manutenção do consumo de combustível dentro do esperado.

Quebrando mitos

Todos os motores possuem uma temperatura ideal para funcionar. A função da válvula termostática é ajudá-lo a atingir e permanecer nessa temperatura.

Funciona assim: quando o motor é ligado e, portanto, está bem mais frio do que o ideal, a válvula fecha a passagem do líquido de arrefecimento. O trabalho da válvula é regular o aquecimento. O motor, então, trabalha apenas com a água quente que já está dentro dele. A partir do momento em que o sistema atinge a temperatura ideal, a válvula se abre e libera a entrada do líquido frio, que fará com que o motor permaneça nesta temperatura, sem esquentar mais nem esfriar.

Dúvidas a respeito do superaquecimento

Quais são os prejuízos causados pelo superaquecimento do motor?

Os motores que atingem temperatura maior do que 125°C podem apresentar diversos problemas, principalmente desgastes das partes móveis.

Quais são as consequências do superaquecimento?

O calor excessivo pode queimar a junta do cabeçote, derreter as bielas e deformar os pistões. Caso a válvula termostática esteja comprometida, óleo e água podem se misturar.

Estes problemas podem piorar?

Sim. Em alguns casos, ocorre o que é conhecido como “calço hidráulico”, quando a câmara de combustão fica encharcada de óleo e água.

Mantenha a manutenção em dia

O superaquecimento do motor é muito sério e pode causar grandes danos ao automóvel. Por isso, é sempre muito importante manter as revisões e a manutenção do carro em dia. Procure mecânicos capacitados e de confiança. Passe na Dinamicar Pneus e conte com os melhores serviços automotivos e preços do Rio de Janeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *