Existe uma velocidade certa para cada marcha?

Submitted by Comandante on 13 de Junho de 2018
13 de Junho de 2018

Você já se questionou se existe uma velocidade certa para cada marcha do seu carro? É importante não ignorar o conhecimento sobre o uso do câmbio manual, pois ele pode trazer uma série de benefícios para o seu automóvel.

A troca de marcha no tempo certo pode, por exemplo, economizar uma quantidade considerável de combustível, além de poupar algumas peças de desgaste excessivo.

Qual é a velocidade certa para usar cada marcha?

Por incrível que pareça, não há uma resposta exata para isso. Há veículos com mais marchas, outros com menos marchas; uns com maior torque, outros com menor; e diversas outras características que também vão afetar sua troca de marchas.

Se todo veículo trocasse a marcha na mesma hora, essa tarefa seria bem mais fácil, mas isso, infelizmente, é impossível.

Contador de giros

Para saber qual a hora certa de trocar de marcha em seu veículo, você precisará usar uma ferramenta presente na grande maioria dos carros atualmente, o contador de giros do motor.

Essa ferramenta, normalmente, está próxima do velocímetro e possui uma informação crucial: ele conta quantos giros ocorre, por segundo, no motor.

O contador de giros não especifica a velocidade certa para cada marcha do seu carro, mas indica o melhor momento para a troca. É também com essa ferramenta que você descobre como economizar mais seu combustível e estressar menos seu pneu na diminuição e no aumento de velocidade.

Como funciona o contador de giros?

O medidor de giros funciona da seguinte forma: com números pequenos, ele mede o número de rotações por minuto do seu motor. Normalmente, o contador vai de zero a oito e, para descobrir as rotações, você deve somente multiplicar o atual número por mil, ou seja, se tiver em cinco, as rotações por minuto são de 5 mil.

Sempre que seu contador de rotações estiver chegando no vermelho, você está impondo um certo estresse no motor. Essa ação também costuma ser chamada de atraso da marcha. Esse é um recurso que pode ser útil em algumas situações, mas raramente precisa ser usado.

Para que serve o sistema de marcha

A função das marchas é bem clara para quem utiliza carros de câmbio manual. Elas proporcionam o controle do torque e da velocidade do veículo. A variação dessas marchas, que é feita pelo câmbio, é necessária para obter maior eficiência do veículo, e, justamente por isso, é importante entender como e quando se usa o câmbio.

Com a transmissão manual, o motorista tem total controle do câmbio de seu carro, e precisa fazer a mudança de marchas manualmente. Isso é diferente do uso do câmbio automático, que retira o controle do câmbio parcialmente ou completamente do motorista.

A troca de marchas em carros automáticos está programada para ocorrer na velocidade certa para usar cada marcha da forma mais eficiente. No entanto, nem sempre essa programação leva em conta o momento do carro, e acaba por não ser a forma mais econômica de dirigir, mesmo que seja a forma mais prática.

Manutenção do câmbio

Todas as peças do carro são importantes e é muito importante cuidar bem delas. Independente da troca certa ou errada de marchas, é fundamental manter a revisão em dia. A Dinamicar Pneus — loja de pneus no Rio de Janeiro — tem os melhores profissionais e uma ótima estrutura para fazer a manutenção de câmbio.

Categorias