Como fazer rebaixamento de carro de acordo com a lei?

Enviado por Comandante em 14 de Maio de 2021
14 de Maio de 2021
Imagem com texto Rebaixamento de Automóveis | Dinamicar Pneus

 

Dirigir um carro rebaixado é, para muitos, uma questão de estilo. Mas durante um tempo essa prática foi proibida no país. Hoje, os proprietários podem optar pelo rebaixamento de carro, mas existem algumas regras para fazê-lo. Quer saber quais são? Continue a leitura e faça em seu automóvel da maneira correta!

 

O que diz a legislação de trânsito sobre o rebaixamento de carro?

A lei do Conselho Nacional de Trânsito considera como um carro rebaixado o veículo que sofreu alteração na sua suspensão, deixando o chassi mais próximo ao chão. Para que esse procedimento seja feito, existem algumas regras que veremos mais adiante.

Os tipos de veículo que podem ter seu sistema de suspensão alterados são:

  • Automóveis de passageiros; 

  • Utilitários mistos;

  • Camionetas mistas;

  • Caminhonetes especiais;

  • Caminhonetes de carga.

 

O que a lei permite quanto ao rebaixamento?

O Código de Trânsito Brasileiro exige que o proprietário que deseja alterar a suspensão do seu veículo deve buscar autorização prévia. É importante que essa modificação não ultrapasse os limites de emissão de ruídos e poluentes, conforme exigem os órgãos ambientais competentes.

Conforme prevê a resolução 479/2014 do Contran, as regras para rebaixamento são:

Para veículos com PBT até 3.500 kg, a altura mínima permitida para circulação deve ser maior ou igual a 100 mm. Essa medição é feita verticalmente do solo ao ponto mais baixo da carroceria ou chassi.

Para veículos com PBT até 3.500 kg, o nivelamento da longarina não deve ultrapassar dois graus a partir de uma linha horizontal.

Tais modificações também devem ser expressas nos documentos de identificação do veículo. Para que isso ocorra, é obrigatório que o automóvel passe por uma revisão e novos testes de segurança.

 

Regularização do rebaixamento

Para não ter problemas com a legislação em relação ao rebaixamento automotivo, é importante solicitar autorização prévia para o DETRAN através de um requerimento que deve ser preenchido. Com a autorização em mãos, é possível levar o veículo a uma oficina para fazer a alteração desejada.

Feitas as modificações, é importante levar o carro para realizar testes de segurança que garantem o pleno funcionamento dos mecanismos. Após a aprovação, o proprietário recebe o Certificado de Segurança Veícular para que se possa solicitar a alteração dos documentos do automóvel junto ao DETRAN.

 

Como regularizar o rebaixamento de carro sem autorização prévia?

Caso o proprietário já tenha realizado o rebaixamento do carro antes de solicitar autorização ao DETRAN, será necessário pagar uma multa por circulação de veículo em situação irregular. Em seguida, é possível solicitar as alterações através do requerimento, fazer os testes de segurança e solicitar as alterações na documentação do carro. É importante se planejar e seguir as normas para que o procedimento ocorra de acordo com o que a lei exige.

Se você deseja estar por dentro de todos os assuntos relacionados aos automóveis, acompanhe sempre o blog da Dinamicar Pneus, loja de pneus no Rio de Janeiro. Estamos sempre nos atualizando para oferecer o melhor para você, tanto aqui no blog como em nossos serviços. Caso precise de verificação e manutenção na suspensão automotiva, passe em uma de nossas 9 lojas. Nossos profissionais são altamente qualificados. Aproveite nossas ofertas!

Categorias